sexta-feira, 13 de maio de 2011

FACEBOOK CENSURA FOTO DE MULHER AMAMENTANDO BEBÊ


Vivemos em um país que luta de forma atuante pela amamentação de lactentes e quando imaginamos que estamos dando passos à frente, verdadeiramente estamos retroagindo de forma, dura e com censuras públicas ao ato, sublime de uma mãe. 
Fiquei surpreso ao saber que uma colega Jornalista,  Kalu Brum, teve sua foto do ato de amamentar seu filho retirada do site de relacionamentos Facebook, sob a alegação que a imagem feria a política de uso do site. Ora, será que nos EUA, onde este site foi desenvolvido as mulheres não amamentam seus filhos? Fiquei boquiaberto, pois não é a primeira vez que tenho conhecimento de uma censura por parte deste site. 
O ato de amamentar é um momento mágico da mãe com seu filho que marca para toda uma vida, não devendo em momento algum deixar de ser feita ou registrada, o lactente não tem hora pré-determinada para mamar. Vale ressaltar que uma mãe ao amamentar seu filho não está preocupada com a exposição dos seios e sim com a alimentação do recém nascido. Uma antropóloga em São Paulo, também foi retirada da Galeria de Artes do Banco Itaú, por conta de estar amamentando. 
Agora eu pergunto, qual o incomodo que uma amamentação causa? Porque tanta censura pública? 
Será que os censuradores não foram amamentados, daí talvez o recalque? 
O que nós sociedade civil constituída podemos fazer contra este tipo de censura? 
Será o final dos tempos? 
Prefiro imaginar que sejam atos isolados de pessoas que dispõe de pouca sabedoria.

Um comentário:

Karina disse...

Um absurdo! Que censura mais ridícula, amamentar é um ato de amor, e a foto não tem nada fora do normal.